Notícia

Valor Econômico online

Cooperação científica

Publicado em 29 novembro 2010

Embrapa e Braskem iniciaram no dia 25 um convênio de cooperação científica e tecnológica para identificar nanofibras de celulose de diferentes fontes vegetais mais produtivas, com melhor desempenho e biodegradáveis para uso na indústria. Em comunicado, a Braskem lembra que o projeto tem o apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) e da Fundação para o Incremento da Pesquisa e do Aperfeiçoamento Industrial (Fipai).

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.