Notícia

Portal Exame

Conhecimento indígena é preservado em papel sintético

Publicado em 25 agosto 2014

Karina Toledo, da Agência FAPESP   São Paulo Um papel sintético feito de plástico reciclado resultado de uma pesquisa desenvolvida com apoio da FAPESP está ajudando a preservar o conhecimento sobre plantas medicinais transmitido oralmente há séculos pelos pajés do povo Huni Kui do rio Jordão, no Acre. Descrições de 109 espécies usadas na terapêutica indígena, bem como informações sobre a região de ocorrência e as formas de tratamento, foram reunidas no livro Una Isi Kayawa, Livro da Cura, produzido pelo Instituto de [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.