Notícia

UFSJ

Congresso Brasileiro de Genética 2021: UFSJ inscreve artigos

Publicado em 10 agosto 2021

Termina nesta quarta, 11 de agosto, o prazo para submissão de resumos ao 66° Congresso Brasileiro de Genética (Genética 2021), programado para o período de 13 a 17 de setembro. Organizado pela Sociedade Brasileira de Genética (SBG), este ano o congresso será totalmente on-line, com palestrantes nacionais e internacionais.

Simultaneamente ao Genética 2021, outros três importantes eventos da área serão realizados: o II Congresso Latinoamericano de Genética para a Conservação, o XIX Simpósio de Citogenética e Genética de Peixes e a Reunião de Genética de Microrganismos. As inscrições seguem até a véspera dos congressos e, se inscrevendo em um deles, o participante tem acesso garantido aos outros três.

No Genética, serão oferecidos sete cursos com carga horária de oito horas e cinco minicursos com carga horária de três horas. Cada participante pode se inscrever em até duas opções de cada modalidade. Outras atividades conjuntas, como a Seção de Painéis e o tradicional Genética na Praça (que nesta edição será chamado de Genética no Espaço Virtual), estarão disponíveis nos quatro eventos.

A SBG firmou parceria com a Associação Brasileira de Bioinformática e Biologia Computacional e, com isso, associados a qualquer uma das duas sociedades receberão desconto de sócio, tanto no Genética 2021 quanto no X-Meeting 2021, evento focado em Bioinformática que acontecerá de 25 a 29 de outubro.

Segundo a presidente da Sociedade Brasileira de Genética, Ana Maria Benko-Iseppon, a sinergia entre os quatro eventos possibilitará a integração de “diferentes áreas de abrangência da Genética, aglutinando uma grande e vibrante comunidade científica, permitindo seu fortalecimento e promovendo a interação entre as pessoas, em um ambiente virtual 3D.” Outro destaque, segundo a presidente, é a homenagem programada aos pesquisadores e aos profissionais da área de saúde, “heróis anônimos que deixaram de se proteger, de se isolar em plena pandemia, sem garantias pessoais, focados apenas no bem comum”, destaca.

Objetivos e fomento

O 66° Congresso Brasileiro de Genética tem como objetivo central integrar profissionais e estudantes das diversas áreas relacionadas à Genética, no âmbito das Ciências Biológicas, Ciências da Saúde, Ambientais e Agropecuárias, promovendo a divulgação do conhecimento científico junto à comunidade acadêmica, ao setor de serviços e à população, por meio do fomento à integração dos grupos com interface nas áreas da Genética, de forma a promover uma releitura dos temas e aplicabilidade concernentes à área.

Com o apoio de CNPq, Fapesp e Capes, essa edição premiará os melhores trabalhos de pós-graduandos e recém-doutores: Prêmio Jovem Geneticista, no valor de R$ 3.500,00, e mais seis prêmios de R$ 1.000,00, além de menções honrosas.

Na UFSJ

Segundo o professor Gabriel de Menezes Yazbeck, do Departamento de Zootecnia (DeZoo), integrante da comissão organizadora do Simpósio de Citogenética e Genética de Peixes, a UFSJ estará representada por meio de pesquisas desenvolvidas por alunos do Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia (PPGBiotec) e Programa Institucional da Iniciação Científica (PIIC).

Foram encaminhados para submissão os seguintes trabalhos, financiados pelo Programa de Desenvolvimento em Tecnologia e Extensão Inovadora do CNPq (DT-2), do qual o professor Gabriel Yazbeck é bolsista:

Genome assemblies and gene prediction for Brycon orbignyanus, fruto da dissertação de mestrado da doutoranda Raíssa Graciano

Assembly and partial characterization of the Salminus brasiliensis genome, também da doutoranda Raíssa Graciano

Development of multispecific microsatellite markers in four different piracema fish (Actinopterygii: Characiformes), da mestranda Leiliane Carvalho

Heterologous microsatellites annotation in Brycon orbignyanus (Characiforme, Bryconidae), do graduando em Ciências Biológicas Wesley Oliveira

Essas pesquisas englobam conceitos da Biologia Molecular e da Bioinformática, que amparam o levantamento de dados do sequenciamento de nova geração aplicados à problemática da conservação de peixes de piracema, a espécies migratórias altamente impactadas por poluição, à introdução de espécies invasoras e, sobretudo, ao barramento de rios para produção hidrelétrica. “Nosso foco é reunir informações básicas sobre esses peixes, e desenvolver tecnologias moleculares para serem aplicadas nas pisciculturas de produção para estocagem ambiental de peixes (peixamentos) e para a produção comercial de espécie nativas, o que reduz a pressão sobre estoques remanescentes de peixes na natureza”, explica Yazbeck.

Para mais informações e programação completa:

https://www.sbg.org.br/genetica2021

Redes sociais:

facebook.com/sociedadebrasileiradegenetica/

instagram.com/sbgoficial/

twitter.com/socbrasgenetic