Notícia

Campinas

Concertos da Sinfônica de Campinas terão ingressos promocionais aos domingos

Publicado em 23 março 2017

Os concertos da Orquestra Sinfônica de Campinas no teatro Castro Mendes terão uma novidade a partir deste último fim de semana de março. As apresentações realizadas aos domingos vão passar a ter o valor promocional de R$ 6. Aos sábados, o preço continua a R$ 30 e R$ 15.

Sob a batuta do maestro convidado Marcos Arakaki, o público terá oportunidade de apreciar nos concertos do fim de semana a sutileza da flauta doce, um instrumento que acompanha o curso da arte desde o século 13 com a mesma potência e importância. Para mostrar a versatilidade de timbres deste nobre instrumento, a Sinfônica receberá o solista Cesar Villavicencio, que, além de especialista na música da Idade Média, tem destacado a participação da flauta doce na produção contemporânea.

Os concertos homenageiam, ainda, os 500 anos da Reforma Protestante. A escolha do repertório da Sinfônica teve como norteador compositores e obras significantes para a igreja reformada. O repertório traz obras de J. S. Bach (1685-1750), um dos mais importantes músicos de sua época e também atualmente, com a composição "Suíte para Orquestra em Dó Maior, BWV 1066"). Ainda no programação estão G. P. Telemann, que vem de família de pastores luteranos, com "Concerto para Flauta Doce em Fá Maior" e "Concerto para Flauta Doce em Dó maior", além de F. Mendelssohn Bartholdy, de família convertida ao cristianismo, com "Sinfonia 5, op. 107, Sinfonia da Reforma".

Sobre o solista

Formado pelo Conservatório Real de Haia, Holanda, Cesar Villavicencio é pesquisador e intérprete da música dos séculos XVI, XVII, XVIII, música contemporânea e improvisador. Possui doutorado em Música – University of East Anglia (2008), Inglaterra, com a tese “The Discourse of Free Improvisation". Realiza pesquisa em nível de pós-doutorado no Departamento de Música da ECA/USP (FAPESP) e foi professor convidado no Conservatório Real de Haia.

Desde 2003 é professor de flauta doce barroca na Oficina Internacional de Música de Curitiba. Durante este período, tem realizado um trabalho pedagógico que abrange o repertório antigo e contemporâneo para a flauta doce incluindo a área da improvisação contemporânea. Villavicencio trabalhou em orquestras barrocas. Como improvisador, tocou com Evan Parker, Richard Barrett, e forma parte do conjunto MusicaFicata com Fernando Iazzetta e Rogério Costa.

O maestro

Regente associado da Filarmônica de Minas Gerais, Marcos Arakaki colabora com a Orquestra desde 2011. Sua trajetória artística é marcada por diversos prêmios, bem como pela atuação à frente de importantes orquestras do Brasil e do exterior. Bacharel em Música e Mestre em Regência Orquestral, Arakaki tem contribuído de forma decisiva para a formação de novas plateias, por meio de concertos didáticos, bem como para a difusão da música de concerto através de turnês em mais de setenta cidades brasileiras. Atua, ainda, como coordenador pedagógico, professor e palestrante em diversos projetos culturais e instituições do país.

Serviço:

Música: Orquestra Sinfônica de Campinas - homenagem aos 500 anos da Reforma Protestante

Local: teatro Castro Mendes. Praça Corrêa de Lemos, s/n, Vila Industrial - Campinas. (19) 3272-9359

Data: 25 e 26 de março

Horários: sábado, 20h; domingo, 11h

Ingressos: sábado - R$ 30 (inteira), R$ 15 (estudantes, aposentados), R$ 10 (professores das escolas públicas e privadas de Campinas e das cidades da Região Metropolitana, pessoas com mobilidade reduzida e portadores de deficiências), R$ 5,00 (estudantes das redes municipal e estadual)

Valor promocional aos domingos: R$ 6 (inteira), R$ 3 (meia); R$ 2 (professores das escolas públicas e privadas de Campinas e das cidades da Região Metropolitana, pessoas com mobilidade reduzida e portadores de deficiências); R$ 1,00 (estudantes das redes municipal e estadual)

Haverá food trucks na Praça Corrêa de Lemos, em frente ao teatro Castro Mendes

Fonte: assessoria de imprensa da Prefeitura de Campinas