Notícia

Meio Norte online

COMO REGISTRAR UM DOMÍNIO NA WEB

Publicado em 26 abril 2000

Por Nildene Mineiro Soares - DO INFORMÁTICA
Já pensou em ter uma home page com visitas do mundo inteiro? Esse é o sonho de qualquer empresário recém chegado ao, mundo do e-commeice. Mas embora a tarefa pareça complicada, realizá-la pode depender apenas de uma boa dose de criatividade, especialmente na hora de escolher o nome ou domínio da sua página. Um domínio pode ser um verdadeiro achado para os mais criativos ou simplesmente para quem chega primeiro. Um exemplo disso é o site maria.com. Já pensou em nome mais popular e mais simples? Pois bem, quem chegou lá primeiro e registrou o domínio foi uma dona-de-casa de Nova Iorque. Sua página, além de bonitinha (feita em tons cor-de-rosa) traz um belo álbum de família com um gest book de dar inveja a qualquer empresa virtual. Mas isso não é tudo, enquanto a Maria (de Nova Iorque) está muito satisfeita com sua página, há quem ande explorando boas idéias aliadas à agilidade na hora de registrar um domínio. Quem fala sobre isso é José Aroldo Santos, um dos proprietários de um provedor em Teresina, "nome de domínio na Internet não tem dono até que seja registrado, qualquer pessoa pode registrar um nome conhecido como o da Coca-Cola, por exemplo", afirma. Aliás foi isso que aconteceu, como ele mesmo comenta, "quem não conhece a história do prejuízo mundial da Coca-Cola? Como a empresa demorou a registrar um domínio em seu nome, um argentino foi lá e registrou primeiro. O resultado é que ele está alugando o domínio para a Coca-Cola e está ficando milionário com isso". Mas espera aí, como é que se faz mesmo essa coisa de registro? Qualquer pessoa pode fazer o registro de um domínio só que para isso terá que dispor de dois servidores DNS. Em geral, quem fornece essa estrutura é o servidor onde a página será hospedada, a partir daí o registro é feito no Brasil pela FAPESP (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo). O registro só pode ser feito pela Internet e exige que o usuário esteja cadastrado no sistema da FAPESP, ou melhor, no Registro.br. É o que explica Marcos Moita, que também trabalha com criação de home pages em um provedor de Teresina, "nós temos uma pessoa que tem uma senha na Fapesp e fez todo esse trabalho de passar as informações dos nossos clientes e pedir a criação dos novo domínio", explica. O processo de concessão do novo domínio envolve envio de algumas informações sobre a empresa ou pessoa física solicitante e o pagamento de uma taxa inicial, além de anualidade. "O processo é simples, o cliente dá os dados da empresa, CGC, endereço e nome do responsável e em até 2 horas (24 no máximo) nós temos o domínio confirmado", esclarece Marcos Moita.