Notícia

Tribuna do Sertão

Comissão ouve órgãos de fomento sobre investimentos em pesquisa

Publicado em 21 novembro 2016

Representantes do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) e da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) vão se reunir na manhã de terça-feira (22) na Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática (CCT) para discutir os investimentos no desenvolvimento científico e tecnológico. Será o quinto debate sobre o tema.

A CCT está recolhendo depoimentos de especialistas sobre como são usados os recursos dos fundos de Incentivo à pesquisa, em especial o Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT) e o Fundo para o Desenvolvimento Tecnológico das Telecomunicações (Funttel).

Na última reunião, a comissão ouviu dirigentes de universidades. No encontro, a advertência foi que o corte de verbas para pesquisa e inovação poderá colocar em risco a competitividade do Brasil em curto e médio prazo. Para o ano que vem, a previsão é de contingenciamento de 55% dos recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico.

Para a reunião desta terça, com início marcado para 8h45, foram convidados o presidente do Conselho Técnico-Científico da Fapesp, Carlos Américo Pacheco; o presidente do CNPq, Mário Neto Borges; o presidente da Finep, Marcos Cintra Cavalcante; e o secretário de Políticas e Programas de Pesquisa e Desenvolvimento do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Jailson Bittencourt de Andrade.

Os requerimentos para o debate foram apresentados pelos senadores Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP) e pelo senador Lasier Martins (PDT-RS), presidente da CCT. A reunião é interativa e os interessados podem participar por meio dos canais disponibilizados pelo Senado.