Notícia

Planeta Universitário

Colisões cósmicas, detecção de ondas gravitacionais e luz

Publicado em 20 julho 2018

Uma colisão entre duas estrelas de nêutrons foi observada em agosto de 2017. Esta observação, considerada o resultado científico mais importante do ano, marcou o início de uma nova era na astronomia e será o assunto principal da palestra “ Colisões cósmicas: o impacto científico da primeira detecção de ondas gravitacionais e luz”, que ocorrerá no dia 27 de julho de 2018, no Instituto de Física Teórica (IFT) da Unesp, em São Paulo. A palestra é promovida pelo Instituto Sul-Americano para Pesquisa Fundamental (ICTP-SAIFR) e será ministrada pelo professor Marcelle Soares-Santos, da Brandeis University, Estados Unidos.

Ele descreverá a história da descoberta dessa colisão cósmica e seu impacto para o futuro da ciência. Soares-Santos também destacará como, por meio de uma rede global de detectores de ondas gravitacionais que realiza observações em conjunto com telescópios tradicionais, a humanidade tem pela primeira vez a oportunidade de estudar os processos de formação de elementos como ouro e platina e também a história da expansão do Universo.

Não há formulário de inscrição e a entrada é gratuita. A palestra será realizada às 19 horas, no auditório do IFT-Unesp, que fica na rua Dr. Bento Teobaldo Ferraz, 271, Várzea da Barra Funda, São Paulo.

Mais informações: https://bit.ly/2NPxC1K.

Agência FAPESP