Notícia

Jornal Meio Ambiente online

Coletiva apresenta versão on-line da obra Flora Brasiliensis

Publicado em 28 fevereiro 2006

Site tornará disponível o trabalho realizado pelo botânico alemão Carl Friedrich Philipp von Martius, que viajou pelo Brasil, no século 19, com a Missão Austríaca

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP), a Natura Cosméticos e a Vitae Apoio à Cultura, Educação e Promoção Social convidam para a coletiva de apresentação do Flora Brasiliensis On-line, versão eletrônica da obra do botânico Carl Friedrich Philipp von Martius, produzida entre 1840 e 1906 a partir da expedição que por três anos percorreu o Brasil, a Missão Austríaca. A coletiva será realizada no dia 8 de março, às 9 horas e trinta minutos, na sede da FAPESP.
A obra Flora Brasiliensis tem 15 volumes e terminou de ser publicada há exatos cem anos. O trabalho tem alto valor histórico e permanece como importante referência para estudos na área de botânica, pois é o mais completo levantamento sobre plantas brasileiras. A obra descreve 22.767 espécies — a totalidade das espécies conhecidas até meados no século 19 — e traz 3.811 pranchas com desenhos detalhados de plantas com suas folhas, flores, frutos e sementes.
O site contém um banco de dados com imagens em alta resolução das 3.811 pranchas e recursos que permitem aos usuários — especialistas e público em geral — observar até os menores detalhes das ilustrações. As imagens poderão ser consultadas pelo nome científico de cada espécie ou pelo volume ou página da obra impressa. O projeto prevê ainda a atualização dos nomes científicos das plantas descritas nos livros segundo critérios atuais definidos por organizações internacionais e a integração desse banco de dados com outros bancos do Brasil e do exterior.
O projeto Flora Brasiliensis On-Line é patrocinado pela FAPESP, Natura Cosméticos e Vitae Apoio à Cultura, Educação e Promoção Social. A digitalização das imagens foi feita pelo Jardim Botânico de Missouri, nos Estados Unidos. O desenvolvimento e gerenciamento do banco de dados está sob a responsabilidade do Centro de Referência em Informação Ambiental (Cria) e a atualização da nomenclatura científica é coordenada pelo botânico George Shepherd, da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).

Coletiva de imprensa
Local: sede da FAPESP, rua Pio XI, 1500, 1º andar, Alto da Lapa, São Paulo
Data e horário: 8 de março, quarta-feira, às 9 horas e 30 minutos