Notícia

Valor Econômico

Cleantechs aceleram a limpeza ambiental

Publicado em 06 dezembro 2019

Por Dauro Verdas
Elas fazem mais por menos, contribuem com o meio ambiente e possuem modelos de negócio rentáveis. As startups de tecnologias limpas, conhecidas como cleantechs, vêm ganhando relevância no contexto do enfrentamento das mudanças climáticas. China, Alemanha e Estados Unidos lideram o setor, que movimenta US$ 1,15 trilhão anuais. Dinamarca, Finlândia e Suécia concentram as empresas mais inovadoras, de acordo com o Global Cleantech Innovation Index, publicação do World Wide [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.

Essa notícia também repercutiu nos veículos:
Valor Econômico online