Notícia

Folha.com

Cientistas que usaram evolução para criar proteínas ganham Nobel de Química

Publicado em 03 outubro 2018

Por Phillippe Watanabe
SÃO PAULO Ter em mãos o poder da evolução. Três pesquisadores que conseguiram fazer algo próximo a isso ganharam o Nobel de Química de 2018. Os vencedores foram Frances H. Arnold, dos EUA, George P. Smith, também dos EUA e Gregory P. Winter, do Reino Unido. Os pesquisadores levaram a evolução para os tubos de ensaio, tornando o processo mais rápido e fácil. Com alterações e seleção genética, eles conseguiram desenvolver proteínas que ajudaram a solucionar alguns dos problemas químicos da sociedade. O anúncio dos [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.