Notícia

Folha.com

Cientistas buscam genes para obter seringueiras mais fortes e produtivas

Publicado em 28 junho 2018

Entre 1870 e 1910, o Brasil foi o maior produtor mundial de látex, a matéria prima da borracha. Hoje, ocupamos a 10ª colocação e a produção atual não dá conta da demanda interna. Uma pesquisa da Unicamp, porém, quer acelerar o melhoramento genético para gerar árvores mais resistentes e produtivas e, quem sabe, levar à autossuficiência novamente. Mais da metade da produção vem do estado de São Paulo. A produção na Amazônia, de onde a seringueira é originária, é mínima, devido a um fungo que causa a doença chamada mal [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.