Notícia

Folha de S. Paulo

Cientista brasileiro paga até 10 vezes mais por material

Publicado em 24 agosto 2007

Por Giovana Girardi, enviada especial a Águas de Lindóia
Insumos importados demoram em média seis meses para chegar ao laboratórioPesquisa apresentada ontem em encontro de biólogos quantificou pela primeira vez o impacto da burocracia nas importações O pesquisador brasileiro que precisa importar insumos gasta em média três vezes mais -e em alguns casos dez vezes- do que o produto vale por causa de impostos e custos de estocagem em portos e aeroportos.Esse foi um dos principais resultados de uma pesquisa que buscou quantificar pela primeira vez as dificuldades que os cientistas têm em trazer [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.