Notícia

Portal Exame

China quer avançar em pesquisas clínicas aplicadas à saúde

Publicado em 05 maio 2014

Por Elton Alisson, da Agência FAPESP
São Paulo – A médica e cientista chinesa naturalizada norte-americana Rui-Ping Xiao permaneceu mais de 20 anos nos Estados Unidos, onde fez doutorado e pós-doutorado e tornou-se pesquisadora sênior dos Institutos Nacionais de Saúde (NIH, na sigla em inglês) em Baltimore. Em 2005, ela foi convidada a retornar à China para fundar o Instituto de Medicina Molecular da Peking University – o primeiro instituto de pesquisa autônomo da instituição, ranqueada como a melhor universidade da China, de acordo com o Times Higher Education [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.