Notícia

ABIPTI - Associação Brasileira das Instituições de Pesquisa Tecnológica e Inovação

Chamadas para desenvolvimento da internet têm prazo prorrogado

Publicado em 03 março 2020

Três editais foram lançados por FAPESP, Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações e Comitê Gestor da Internet no Brasil. São até R$ 20 milhões para cada chamada. Pesquisadores podem submeter propostas até 8 de abril 

Três chamadas de propostas para Pesquisa Estratégica sobre a Internet, lançadas pela FAPESP em colaboração com o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e o Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br), tiveram seus prazos prorrogados. Pesquisadores interessados terão até 8 de abril de 2020 para submeter propostas.

O objetivo dos editais é intensificar atividades de pesquisa científica e tecnológica em temas relacionados à internet, de interesse do Brasil e do Estado de São Paulo. Cada chamada destinará um total de até R$ 20 milhões para apoio aos projetos selecionados.

Entre os temas que poderão ser abordados nos projetos estão: “Tecnologias Viabilizadoras da Internet”, “Aplicações Avançadas da Internet”, “Comunicação em Rede e Cultura Digital”, “Políticas Relativas à Internet”, “Software Livre, Formatos e Padrões Abertos” e “Aplicações Sociais de Tecnologia da Informação e Comunicações”.

Uma das chamadas está voltada ao Programa FAPESP Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas (PIPE), na Fase 2 Direta. Podem submeter propostas pesquisadores que tenham vínculo empregatício ou societário com empresas de até 250 funcionários sediadas no Brasil e que trabalhem em áreas de pesquisa para o desenvolvimento da internet.

A duração prevista é de até 24 meses. O valor máximo de financiamento previsto é de até R$ 1 milhão para cada projeto. A chamada está publicada em: www.fapesp.br/13841.

O segundo edital está aberto a pesquisadores de todo o Brasil que atendam aos critérios da FAPESP para submissão de propostas ao Programa de Apoio à Pesquisa em Parceria para Inovação Tecnológica (PITE).

São elegíveis como empresas parceiras quaisquer entidades legalmente constituídas no Brasil ou no exterior. As propostas devem ter duração prevista de até cinco anos e orçamento de até R$ 500 mil por ano para a FAPESP. A empresa parceira deve se comprometer a alocar o mesmo valor que for solicitado à FAPESP. A chamada está publicada em: www.fapesp.br/13842.

A terceira chamada aceita propostas nas modalidades Auxílio à Pesquisa – Regular ou Auxílio à Pesquisa – Projeto Temático e está publicada em: www.fapesp.br/13757.

Fonte: Fapesp