Notícia

Atibaia

Chamada de propostas seleciona projetos científicos sobre o vírus Zika

Publicado em 17 fevereiro 2016

De olho nos riscos associados ao vírus Zika, a Fapesp (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo) e o Medical Research Council (MRC), do Reino Unido, anunciaram o lançamento de uma iniciativa que busca uma resposta rápida no campo da ciência.

 

A chamada de propostas vai selecionar e apoiar projetos de curto prazo (de 12 a 18 meses) que forneçam abordagens novas, críticas e oportunas sobre a natureza do risco promovido pelo vírus Zika ou que levem a caminhos potenciais para prevenção e tratamento.

 

De um lado, o acordo disponibilizará um recurso no valor de 1 milhão de libras – no âmbito do recém-anunciado Global Challenges Research Fund – para pesquisadores capazes de conduzir estudos sobre o vírus Zika e sua epidemia. Já a Fapesp oferecerá apoio por meio de Auxílios Regulares buscando propostas em que haja equivalência em esforço de pesquisa, não necessariamente em financiamento.

 

A submissão de propostas deve ser feita até 22 de fevereiro de 2016.