Notícia

Jornal de Piracicaba online

Cena recicla resíduos químicos para uso em experimentos

Publicado em 19 maio 2010

O Cena (Centro de Energia Nuclear na Agricultura) da USP (Universidade de São Paulo) encontrou uma alternativa para reaproveitar cerca de 500 toneladas de resíduos gerados anualmente pela instituição, entre sólidos, líquidos e gasosos.

O trabalho foi desenvolvido pelo professor e engenheiro químico José Albertino Bendassolli, a partir do Programa Infra V, criado pela Fapesp (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo) com o objetivo de recuperar, reutilizar ou reciclar compostos químicos perigosos.

Os resíduos são processados e parte deles é reutilizada, gerando economia. Com relação aos líquidos, o Cena possui laboratórios no qual o índice de reaproveitamento chega a atingir até 95%.

"Além dos ganhos financeiros gerados à instituição, onde calculamos que atinja aproximadamente R$ 200 mil ao ano, o projeto também tem objetivos ambientais, nos quais os lucros são incalculáveis, pois formamos profissionais comprometidos com essas questões, sejam eles alunos, técnicos ou estagiários", disse Bendassolli.

O professor também destaca a importância das facilidades oferecidas pela USP para a implantação do programa, incluindo a construção de uma área, com cerca de 900 metros quadrados, onde ficará o laboratório de tratamento de resíduos; um novo entreposto de resíduos e um almoxarifado de produtos controlados pelo Exército e pela Polícia Federal, com custo estimado em R$ 500 mil e, aproximadamente, R$ 600 mil em equipamentos. O projeto já foi aprovado e está em fase de licitação.

Camila Piacentini, com informações da assessoria de imprensa