Notícia

Bem Paraná online

Casamento com neandertais

Publicado em 31 outubro 2006

Por Agência FAPESP

Os ossos também apresentam detalhes típicos do Homo neanderthalis

Uma reavaliação de fósseis descobertos na Romênia levou cientistas a descobrir evidências de que o homem moderno cruzou com neandertais há cerca de 35 mil anos. Os cruzamentos teriam ocorrido enquanto o homem moderno se espalhava pelo continente europeu.
Erik Trinkaus, da Universidade Washington em Saint Louis, nos Estados Unidos, e dois colegas romenos examinaram ossos encontrados em 1952 em Peþtera Muierii, conhecida como a "caverna da mulher velha". O estudo será publicado esta semana no site e depois na versão impressa da Proceedings of the National Academy of Sciences (Pnas).
Os pesquisadores verificaram que os fósseis têm cerca de 30 mil anos e características do esqueleto do homem moderno. Os ossos também apresentam detalhes típicos do Homo neanderthalis, como a falta de adaptações anatômicas necessárias nos ombros para arremessar projéteis, como lanças, durante a caça.
Segundo os autores do estudo, a mistura de características humanas e neandertais sugera a existência de um complexo cenário reprodutivo quando as espécies cruzaram. Para os pesquisadores, os resultados da pesquisa também indicam que a hipótese de que os neandertais foram simplesmente substituídos pelo homem moderno deve ser abandonada.
O artigo Early modern humans from the Peþtera Muierii, Baia de Fier, Romania, de Andrei Soficaru, Adrian Doboþ e Erik Trinkaus, poderá ser lido por assinantes da Pnas em
www.pnas.org.