Notícia

Nós - Fora dos Eixos

Casa de Portugal de São Paulo acolhe lançamento de livro sobre o fado

Publicado em 25 setembro 2013

Por Jorge Horta

São Paulo - A Casa de Portugal de São Paulo e a Editora Letra e Voz promovem esta quarta-feira, 25 de setembro, a partir das 19h30, o lançamento do livro "Trago o fado nos sentidos: Cantares de um imaginário atlântico". A obra conta com a organização de Heloísa Duarte Valente.

No lançamento, na Casa de Portugal de São Paulo, estarão presentes as fadistas Adélia Pedrosa, Conceição de Freitas, Glória de Lourdes, Maria de Lourdes e Terezinha Alves e ainda o fadista Antonio Carlos. Serão acompanhados pelos músicos Alexandre Matis e Igor Eduardo.

Completando dez anos de existência em 2013, o Centro de Estudos em Música e Mídia (MusiMid) lança sua sexta publicação, "Trago o fado nos sentidos: Cantares de um imaginário atlântico".

O livro resulta de um intercâmbio internacional promovido pelo MusiMid com pesquisadores pertencentes ao Instituto de Etnomusicologia - Centro de Estudos em Música e Dança (INET-MD) da Universidade de Aveiro e outros pesquisadores convidados, e dá seguimento ao projeto que começou, há alguns anos, por uma ampla pesquisa sobre o fado no Brasil a partir da cidade de Santos - suas relações concretas e imaginárias com a "matriz" lisboeta.

Agora, a cidade portuária da Ilha de São Vicente espraia-se ao Atlântico, dando a conhecer os caminhos e trajetos que o fado criou ao longo de um século.

Esta coletânea, dedicada à memória e ao significado do fado, traz textos de estudiosos de diversas áreas - da Musicologia à História, passando pela Antropologia e pela Comunicação - e dos dois lados do Atlântico, cuja contribuição para os estudos sobre a cultura luso-brasileira a partir da música vai muito além dos interesses acadêmicos.

"Fatalidade nostálgica, dor chorada, saudade cantada... enfim, "cansaço da alma", tudo isto é o fado de que este livro fala", lê-se no convite a este cruzeiro pelo Atlântico através da música.

Heloísa Duarte Valente é autora de "Os cantos da voz: Entre o ruído e o silêncio" (Annablume, 1999) e "As vozes da canção na mídia" (Via Lettera/Fapesp, 2003); e organizadora de "Música e mídia: Novas abordagens sobre a canção" (Via Lettera/Fapesp, 2007), "Madrigal Ars Viva 50 anos: Ensaios e memórias" (Letra e Voz, 2011), "O Brasil dos Gilbertos: Notas sobre o pensamento (musical) brasileiro - em parceria com Ricardo Santhiago" (Letra e Voz, 2011).

A autora coordena o Centro de Estudos em Música e Mídia (MusiMid), com o qual desenvolve o projetos de pesquisa voltados à música e suas interfaces. Também atua como pesquisadora e docente junto a programas de Pós-Graduação de diversas universidades.

Fonte: Portugal Digital