Notícia

A Cidade (Ribeirão Preto) online

Casa da Ciência aproxima alunos do universo dos pequisadores

Publicado em 20 julho 2010

Já pensou em conhecer parte do universo de um cientista? Ter contato com células-tronco, genoma e DNA? Na Casa da Ciência, no Hemocentro de Ribeirão Preto, os jovens têm acesso a esses conhecimentos direto no laboratório e com quem produz ciência.

O projeto "Adote um Cientista" nasceu em 2005 e é mantido pela Fapesp, Fundação Hemocentro, USP, Pró-reitoria de Pesquisa e Extensão e Fundação Vitae. Por ele já passaram mais de 1 mil alunos, de 13 a 18 anos, da rede pública e particular.

"Aprendemos coisas que a escola convencional não ensina. O que mais me surpreendeu foram as imagens no microscópio, bem diferente dos livros. Uma sensação mais viva", diz David Ferreira, 17, há três semestres no projeto e que já pensa em seguir a iniciação científica, na área de genética.

No projeto "Férias com Ciências", Yasmin Pereira, 12, observa atenta os protozoários no microscópio e os trabalhos apresentados. "Aqui a gente se aprofunda mais no conhecimento."

E não para por aí. A partir de agosto um novo programa será implantado: "Pequeno Cientista". Os alunos que já passaram pelo "Adote" poderão desenvolver um projeto de iniciação científica, dentro do laboratório do pesquisador. E em áreas como bioinformática, genética, biotecnologia, células-tronco e DNA."Queremos antecipar a formação do cientista", diz Maria Barbieri, coordenadora da Casa.