Notícia

O Tabuleiro

Campanha contra acidentes de trabalho ilumina pontos famosos em Porto Alegre

Publicado em 26 abril 2019

Os números são devastadores: a cada 48 segundos acontece um acidente de trabalho no Brasil, acarretando em uma vítima fatal a cada 3 horas. Em cerca de um ano apenas(janeiro de 2018 até 29 de março de 2019) foram registrados mais de 802 mil acidentes de trabalho, com 2.995 mortes.

O Ministério Público do Trabalho está desenvolvendo uma grande campanha para alertar sobre estes dados. Vários prédios de Porto Alegre estão iluminados na ação do “Abril Verde”, que vai se estender até o segundo semestre.  Como exemplo, a Arena do Grêmio já está iluminada e o Beira-Rio também ficará, neste domingo(28).

“Todos pagam pela falta de prevenção”, ressalta o procurador do MPT Leonardo Osório Mendonça. De 2012 até março de 2019, o Brasil gastou mais de R$ 80,2 bilhões com benefícios acidentários pagos pela Previdência Social. “Todos os anos, cerca de 2.500 famílias perdem seu provedor ou provedora em razão de más condições de segurança e saúde no trabalho”, alertou o procurador-geral do MPT, Ronaldo Fleury. O procurador lembrou ainda das vítimas do rompimento da barragem em Brumadinho (MG) e dos atletas da categoria de base do Flamengo, vítimas do incêndio no centro de treinamento do Rio de Janeiro. “Nessas últimas grandes tragédias, o que nos chama a atenção é o desprezo às normas de saúde e segurança no ambiente de trabalho. Além de serem tragédias ambientais e tragédias humanitárias, são tragédias trabalhistas”, ressaltou Fleury.

A Organização Internacional do Trabalho estima que a maior parte dos acidentes entre 2012 e 2018 foram causados por máquinas e equipamentos (15%). Trabalhadores do setor de saúde tem a maior quantidade de ocorrências registradas (10% dos casos). Já do ponto de vista das ocupações, os registros predominam entre alimentadores de linha de produção (5,5%), técnicos de enfermagem (5%), faxineiros (3,2%), serventes de obras (2,8%) e motoristas de caminhão (2,4%). No ranking geral, os estados de São Paulo (37%) e de Minas Gerais (10%) lideram as Comunicações de Acidentes de Trabalho.

Observatório Digital de Saúde e Segurança do Trabalho

Com mais de 130 mil acessos em seis países e cerca de 20 mil notícias publicadas, o Observatório Digital de Saúde e Segurança do Trabalho utiliza tecnologia livre e gratuita e foi criado no âmbito do SmartLab de Trabalho Decente, uma cooperação MPT-OIT. A ferramenta foi concebida seguindo parâmetros científicos da pesquisa “Acidente de Trabalho: da Análise Sócio Técnica à Construção Social de Mudanças”, conduzida pela Faculdade de Saúde Pública da USP, com o apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) e em cooperação com o MPT.

SmartLab de Trabalho Decente é um laboratório multidisciplinar de gestão do conhecimento, instituído no âmbito de um acordo de cooperação técnica internacional entre o MPT e a OIT, com foco na promoção do trabalho decente no Brasil.

Os dados têm servido, entre outras ações de interesse do Estado, para promover inédita conscientização sobre riscos ocupacionais, aprimorar a eficiência das investigações dos órgãos públicos, fomentar ações regressivas em parceria com a Procuradoria-Geral Federal, tornar mais eficiente o monitoramento de benefícios acidentários e determinar mais claramente quais devem ser os focos (ocupações, setores econômicos, grupos vulneráveis) das ações repressivas e preventivas em matéria de proteção ao meio ambiente do trabalho, inclusive em cooperação técnica com o setor privado, sindicatos, organismos internacionais e academia.

*As informações contidas no Observatório Digital de Segurança e Saúde no Trabalho se referem estritamente a benefícios previdenciários do tipo acidentário e a comunicações de acidentes de trabalho, tradicionalmente divulgadas pela Previdência Social por meio dos Anuários Estatísticos de Acidentes de Trabalho e da Previdência Social, não sendo legítimas quaisquer ilações e conclusões que transcendam o escopo específico do portal.

Fonte das informações: Assessoria de comunicação do Ministério Público do Trabalho no Rio Grande do Sul.

Instagram: https://www.instagram.com/mpt.rs/

Facebook: https://www.facebook.com/mptnors

Acesse ainda: Observatório Digital de Saúde e Segurança do Trabalho

Conheça a SmartLab: SmartLab de Trabalho Decente