Notícia

BOL

Butantan vai produzir vacina antidengue a partir de 2010

Publicado em 03 junho 2008

O Instituto Butantan anunciou ontem que deverá produzir, a partir de 2010, a vacina contra a dengue, disponibilizando o produto para o uso na rede pública. O projeto é desenvolvido em parceria com o INH (Instituto Nacional de Saúde) dos Estados Unidos.

De acordo com o Butantan, órgão ligado à Secretaria Estadual de Saúde de São Paulo, os testes em humanos deverão começar em 2009 e a fábrica para produção dos lotes experimentais de vacina deverá ficar pronta em três meses.

Já foram adquiridas as "cepas" da vacina, testada em macacos rhesus e num grupo de pessoas nos EUA que não possuíam a doença. A resposta imunológica foi considerada eficaz nos dois casos.

Para a construção do laboratório serão liberados inicialmente R$ 5 milhões do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Social) e R$ 2 milhões da Fapesp (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo), em parceria com o Ministério da Saúde. O Instituto Butantan prevê um investimento total de aproximadamente R$ 20 milhões.

"Nossa intenção é vender a vacina barata para que o governo dê para todo mundo de graça. É importante ressaltar que nossa vacina será preventiva e tetravalente, protegendo contra quatro tipos de vírus da dengue circulantes no mundo", afirmou o presidente da Fundação Butantan, Isaías Raw.

As negociações para a produção da vacina no Brasil começaram há três anos. O trabalho também é feito em parceria com a fundação norte-americana PDVI (Pedriatic Dengue Vaccine Initiative). "A vacina deverá ser testada no Brasil e em outro país, provavelmente no Caribe", disse ontem o pesquisador Donald Francis, consultor da fundação.