Notícia

Correio Popular

Brito Cruz vai trocar Unicamp pela Fapesp

Publicado em 11 novembro 2004

Por MariaTeresa Costa - Da Agência Anhangüera - teresa@rac.com.br
O governador Geraldo Alckmin (PSDB) deve nomear, hoje, Carlos Henrique de Brito Cruz, reitor da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), para a diretoria científica da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp). Para assumir o cargo, com mandato de três anos, Brito Cruz terá que renunciar à reitoria da universidade, cujo mandato venceria em abril de 2006, e convocar eleição para a escolha do sucessor O nome do reitor é o primeiro de uma lista tríplice elaborada ontem pelo Conselho Superior da Fapesp e encaminhada no final da tarde pelo presidente da fundação, Carlos Vogt, ao secretário estadual de Ciência, Tecnologia, Desenvolvimento Econômico e Turismo João Carlos Meirelles. A expectativa era que o secretário encaminharia a lista ontem mesmo ao governador para a escolha dos novos executivos da Fapesp. Além do novo diretor científico, Alckmin vai nomear o vice-presidente da fundação e o diretor-presidente do Conselho Técnico-Administrativo. O reitor da Unicamp preferiu não fazer qualquer comentário sobre sua possível nomeação. A escolha de Brito Cruz é dada como certa porque Alckmin costuma acatar as indicações feitas por colegiados. A lista traz em primeiro escrutínio Carlos Henrique de Brito Cruz, com dez votos. Em segundo escrutínio ficaram Luiz Nunes de Oliveira, professor titular do Instituto de Física de São Carlos da Universidade de São Paulo (USP), e Hernan Chaimovich Guralnik, diretor e professor titular do Instituto de Química da mesma universidade. A partir da nomeação, o reitor terá que convocar extraordinariamente o Conselho Universitário (Consu) para deliberar sobre o calendário eleitoral e eleger a comissão que irá organizar a consulta à comunidade para a escolha do próximo reitor da Unicamp. Com a renúncia, é necessária nova eleição porque o vice-reitor Tadeu Jorge não pode assumir, já que a vice-reitoria é ocupada por nomeação. Já está certo que Tadeu Jorge será um dos candidatos a reitor. A eleição do próximo reitor deverá ser feita somente em 2005, após as férias do início de ano. Na eleição votam professores, alunos e funcionários. O atual diretor científico da Fapesp, José Fernando Perez, só deixará o cargo quando seu sucessor estiver em condições de assumir A substituição na diretoria científica deve-se à decisão do atual diretor, que colocou o cargo à disposição para trabalhar na iniciativa privada. Ele pretende abrir uma empresa, no início de 2005, para atuar na criação de outras empresas de base tecnológica. As sondagens e negociações para a transferência de Brito Cruz para a Fapesp começaram desde que Perez anunciou sua disposição de deixar o cargo, em agosto. No mês passado, o Conselho Superior da Fapesp recebeu as listas dos candidatos aos cargos, encaminhadas pelo Comitê de Busca e Seleção, constituído pela fundação para o processo seletivo. Dez candidatos foram inscritos e três deles foram escolhidos para a lista encaminhada ao governador.