Notícia

Valor Econômico

Brasil precisa aumentar participação de fontes limpas

Publicado em 28 agosto 2017

Por Martha San Juan França
No cenário de mudanças de fontes de energia na matriz energética mundial, o Brasil se posiciona de forma privilegiada devido principalmente à participação das hidrelétricas na geração de eletricidade e do etanol no transporte. Em 2016, 44% de toda a oferta no país veio de renováveis, aumento de 2,2% em relação a 2015 e bem acima da média mundial. O desafio, portanto, em relação ao combate às mudanças climáticas, é manter a participação de renováveis na matriz de geração. O país se comprometeu na CoP-21 em Paris a [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.