Notícia

Planeta Universitário

Bolsa de PD em Sistemática e biogeografia de Hydrozoa da Patagônia e Antártica

Publicado em 17 outubro 2014

Área de conhecimento: Zoologia

Nº do processo FAPESP: 2011/50242-5 (página do projeto na Biblioteca Virtual FAPESP)

Título do projeto: Dimensões da vida marinha – Padrões e processos de diversificação em cnidários planctônicos e bentônicos

Área de atuação: Taxonomia e distribuição de cnidários

Pesquisador principal: Antonio Carlos Marques

Unidade/Instituição: Instituto de Biociências / USP / Depto. Zoologia

Publicado em: 16/10/2014

 

1. DAS INSCRIÇÕES

 

As inscrições deverão ocorrer exclusivamente por e-mail, com a documentação enviada em arquivo formato PDF, para Antonio Carlos Marques

 

2. A VAGA

 

A vaga está aberta a brasileiros e estrangeiros. A oportunidade está inserida no Projeto Temático que tem como objetivo principal investigar as dimensões da vida marinha, transversalmente, por meio da busca de padrões e processos nos diversos níveis biológicos, em questões relacionadas às variáveis tempo e espaço em suas diversas escalas. Especificamente para esta vaga, o bolsista deverá desenvolver trabalho no subprojeto “Sistemática e biogeografia de Hydrozoa da Patagônia e Antártica”, realizando sua pesquisa no tema específico “Áreas de endemismo de hidroides bentônicos da região subantártica e antártica, e a influência de seus mecanismos de dispersão em padrões biogeográficos marinhos”. O objetivo é levantar hipóteses de áreas de endemismo para os hidroides bentônicos subantárticos e antárticos por meio do uso de metodologias biogeográficas de parcimônia e otimização, e contrastar os padrões encontrados com diferentes estratégias de ciclo de vida de Hydrozoa.

 

3. DOS REQUISITOS PARA O CANDIDATO À BOLSA

 

O candidato aprovado e a ser beneficiado com a bolsa da FAPESP deverá atender aos seguintes requisitos:

 

a) Ter doutorado em zoologia ou área equivalente;

 

b) Ter obtido o título de doutor há, no máximo, 2 (dois) anos;

 

c) Estar de posse do seu diploma de doutorado, ou de ata de defesa ou declaração correspondente;

 

d) Possuir currículo que demonstre capacitação para atuar no desenvolvimento do projeto;

 

e) Possuir experiência comprovada com trabalhos publicados ou em publicação sobre a área e o grupo taxonômico alvo do subprojeto;

 

f) Possuir experiência comprovada com biogeografia marinha, áreas de endemismo, morfologia e taxonomia do grupo a ser estudado (hidrozoários bentônicos, particularmente subclasses Leptothecata e “Anthoathecata”) e em técnicas biogeográficas (ecológicas e históricas) de reconhecimento de áreas de endemismo (desde a geração do banco de dados até a interpretação dos resultados das análises);

 

g) É necessária fluência em inglês e desejável fluência em espanhol;

 

h) Possuir experiência no uso de programas de construção e edição de matrizes de dados (NEXUS, Mesquite, Winclada, MacClade), análise cladística por parcimônia (PAUP, TNT), construção e edição de árvores (Figtree, Mesquite, WinClada, MacClade, TreeView) e mapas (ArcGis e Diva-GIS), além do software de otimização NDM-VNDM.

 

i) Possuir experiência na realização e interpretação de análises de busca de áreas de endemismo por meio dos métodos de Análise de Parcimônia de Endemismo (PAE) e otimização pela Análise de Endemicidade (AE), além da comparação das diferenças entre os resultados obtidos e entre as performances das duas técnicas;

 

j) Dedicar-se integralmente e exclusivamente às atividades do projeto;

 

k) Não manter vínculo empregatício ou estatutário durante a vigência do projeto;

 

l) Não ser aposentado;

 

m) Possuir experiência de estágio no exterior, de no mínimo 9 (nove) meses;

 

n) Estar apto a iniciar as atividades relativas ao projeto tão logo seja aprovada a sua candidatura pela FAPESP;

 

o) Ter habilidade para organizar tarefas de pesquisa com independência;

 

p) Ter habilidade para coordenar aulas e discussões no nível de pós-graduação na área de Biogeografia Marinha ou Sistemática e auxiliar na supervisão de graduandos e pós-graduandos.

 

4. DA DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA À INSCRIÇÃO

 

No ato da inscrição por e-mail o candidato deverá apresentar, em documentos .pdf: a) Curriculum atualizado. b) Duas cartas de recomendação de profissionais da área; c) Breve relato (máximo duas páginas) da experiência profissional e motivações quanto à função.

 

5. DA SELEÇÃO

 

A seleção do bolsista será realizada em duas etapas: a) Análise da documentação recebida; b) Avaliação dos currículos dos candidatos habilitados.

 

6. DO RESULTADO

 

O resultado será enviado por e-mail a partir do dia 21/11/2014.

 

7. DA BOLSA

 

O candidato selecionado receberá financiamento pela FAPESP, sendo contemplado com uma bolsa de pós-doutorado (R$ 6.143,40) com duração de até 24 meses, Reserva Técnica e Auxílio Instalação. A Reserva Técnica de Bolsa de PD equivale a 15% do valor anual da bolsa e tem o objetivo de atender a despesas imprevistas e diretamente relacionadas à atividade de pesquisa. O bolsista de PD, caso resida em domicílio diferente e precise se mudar para a cidade onde se localiza a instituição sede da pesquisa poderá ter direito a um Auxílio Instalação. Mais informações sobre a Bolsa de Pós-Doutorado da FAPESP estão disponíveis em http://www.fapesp.br/270.

 

8. DO INÍCIO DAS ATIVIDADES

 

O candidato selecionado deverá estar apto a iniciar as atividades tão logo seja aprovada a sua candidatura pela FAPESP.

 

9. DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

 

Casos omissos a este edital serão decididos pelo coordenador do projeto temático, resguardadas as regras estabelecidas pela FAPESP.