Notícia

Folha.com

Biomarcadores confirmam maior incidência de câncer de tireoide em socorristas das torres gêmeas

Publicado em 19 julho 2019

Por Maria Fernanda Ziegler, da Agência FAPESP
Socorristas que atuaram nos resgates do atentado de 11 de setembro de 2001, em Nova York, tiveram incidência três vezes maior de câncer de tireoide do que o esperado para a população em geral. A comprovação do aumento se deu com o uso de um método que emprega quatro biomarcadores capazes de distinguir expressões genéticas ligadas a tumores benignos e malignos. Os testes, desenvolvidos por pesquisadores da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) em [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.