Notícia

EBC Rádios

Biologia quer saber porque coronavírus mata mais homem do que mulher

Publicado em 19 maio 2020

Por José Tadeu Arantes, da Agência FAPESP

Uma pesquisa da University College London (Reino Unido) aponta que os homens têm mais chances de morrer após o diagnóstico para Covid-19 do que as mulheres. Uma equipe multidisciplinar de pesquisadores da Universidade Federal de São Paulo (Unesp) investiga a importância dos hormônios femininos na proteção contra o coronavírus. O projeto é coordenado pelo professor da Unesp Rodrigo Portes Ureshino, que conversou com o Tarde Nacional.

Rodrigo falou que dados experimentais apontam que os estrógenos e compostos relacionados ao estrogênio podem participar dessa proteção.

Ele alertou que a regra continua a ser o distanciamento social, boa alimentação, bom sono e a frequente higienização pessoal e dos alimentos.

Ouça a entrevista completa no link abaixo.