Notícia

JC e-mail

Bioespuma

Publicado em 17 março 2000

Bioespuma - Pesquisadores da Unicamp, em parceria com uma empresa privada, desenvolveram um produto que substitui o isopor. Batizado de Bioespuma, e feita a partir de cana-de-açúcar, amido de milho e óleo de mamona, o novo material leva apenas 2,5 anos para se decompor. O isopor leva 500 anos.