Notícia

Madeira Total

BBEST 2014 debate tecnologias para produção de bioenergia

Publicado em 02 maio 2014

Os desafios para a aumento da produtividade de plantas usadas na produção de biocombustíveis é o tema das apresentações de cientistas dos Estados Unidos e da África do Sul no segundo dia da programação da 2nd BioEnergy Science and Technology – BBEST (Segunda Conferência Brasileira de Ciência e Tecnologia em Bioenergia), de 20 a 24 de outubro de 2014. Tecnologias recentes e alternativas para as matérias-primas já utilizadas serão debatidas pelos participantes.

Coordenado por Angela Karp, do Rothamsted Research – centro de pesquisa agrícola fundado há 170 anos no Reino Unido –, o painel sobre produtividade terá a participação de Emile Van Zyl, cientista do Departamento de Microbiologia da Universidade de Stellenbosch, na África do Sul, especializado em tecnologias baseadas na melhoria genética da levedura Saccharomyces cerevisiae para produção de bioetanol.

Também participa do painel o fisiologista de plantas Stephen Long, da Universidade de Illinois em Urbana-Champaign, Estados Unidos, pesquisador reconhecido por seu trabalho sobre a relação entre as variações da concentração de CO2 e ozônio na atmosfera e os processos de fotossíntese e produtividade de plantas. O trabalho de Long contribuiu para o surgimento do Miscanthus como uma das principais culturas para produção de bioenergia e para o aumento da produtividade de outras culturas pela melhoria da eficiência de seus processos de conversão da energia da luz do sol em biomassa.

A BBEST 2014 será um fórum para a apresentação de resultados de pesquisas desenvolvidas em São Paulo e no exterior, na fronteira do conhecimento, em todas as áreas da bioenergia – tecnologia, inovação, motores, meio ambiente, sustentabilidade, uso da terra, biomassa, combustíveis renováveis, entre outros – com ênfase nos projetos apoiados no Programa FAPESP de Pesquisa em Bioenergia (BIOEN), lançado em 2008 pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo.

Apoiada pela Fundação, a Segunda BBEST acontece em Campos do Jordão, São Paulo, com a participação de cientistas, estudantes, representantes da indústria, do governo e de organizações não governamentais.

Fonte: FAPESP