Notícia

Portal do Governo do Estado de São Paulo

Aula Magna dará início ao curso de mestrado da 1ª Turma do IZ

Publicado em 27 fevereiro 2009

Para capacitar profissionais na área zootécnica, proporcionando conhecimentos sobre produtividade, qualidade do produto e os impactos ambientais dessa atividade, o Instituto de Zootecnia (IZ), da Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento, iniciará o curso de Pós-Graduação (PG/IZ) com aula inaugural na segunda-feira, 2, às 14 horas, no auditório do IZ, em Nova Odessa.

A aula magna com o tema "Mudanças Climáticas e Pecuária" será ministrada pelo professor convidado Dr. Carlos Clemente Cerri, aos alunos da 1ª turma de Mestrado do IZ.

O professor Carlos Cerri é titular na Universidade de São Paulo (USP), no Centro de Energia Nuclear na Agricultura (CENA). Engenheiro agrônomo graduado pela UNESP e doutor pela USP, ele dedica-se às pesquisas sobre seqüestro e carbono do solo e fluxos de gases do efeito estufa (CO2, CH4 e N2O), em vários ecossistemas naturais e modificados pelo uso e mudança do uso da terra, além de práticas e sistemas de manejo agrícola em clima tropical com destaque para a Amazônia.

Cerri também coordenou mais de 60 projetos de pesquisa com recursos financeiros do Brasil como FAPESP, CNPq, CAPES, FINEP e PETROBRAS e do exterior (NASA, NSF, IAEA, GEF, EUROPEAN UNIT).

É membro titular da Academia Brasileira de Ciências do Brasil e membro externo da Academia da Agricultura da França e membro do Painel Intergovernamental de Mudanças Climáticas (IPCC). Recebeu a Medalha Fernando Costa como Engenheiro Agrônomo do Ano modalidade pesquisa; é Comendador da Ordem do Mérito Científico e Tecnológico do Brasil, Cavaleiro da Ordem das Palmas Acadêmicas da França, e em 2007 recebeu o certificado do Prêmio Nobel da Paz pela sua atuação no “Painel Intergovernamental de Mudanças Climáticas” da ONU (IPCC/ONU)

Pós-graduação - O Mestrado – Stricto Sensu – concentrado na área “Produção Animal Sustentável” terá duração média de dois anos, e envolverá três linhas de pesquisa: “Seleção para Produção”; “Nutrição e Alimentação”; e “Bem-estar Animal e Segurança Alimentar”.

Pesquisadores do IZ ministrarão as aulas e a orientação dos projetos de pesquisas. A PG-IZ, direcionada para profissionais das áreas de Zootecnia, Veterinária, Agronomia, Biologia, Bioquímica ou outras afins, tem como Pró-reitora doutora Maria José Valarini, coordenadora doutora Keila Maria Roncato Duarte e vice-coordenadora doutora Josiane Aparecida de Lima.

“A realização deste curso no IZ é um sonho dos pesquisadores que agora se concretiza com a chancela da Capes – Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES/MEC) e com o empenho dos profissionais do Instituto”, destaca doutora keila.

“Há muitos anos a instituição colabora efetivamente com a formação acadêmica de profissionais com cursos de pós-graduação de universidades como USP, Unesp e Unicamp, que freqüentam laboratórios e campos do IZ para desenvolver teses e dissertações”, enfatiza o diretor do IZ Paulo Bardauil Alcântara.

Ainda, segundo Dr. Paulo, muito antes dos termos sustentabilidade, preservação e métodos naturais entrarem em uso, o IZ já preconizava a utilização de pastagens mistas com leguminosas em substituição à prática da adubação nitrogenada.

Da Secretaria de Agricultura e Abastecimento