Notícia

Terra

Astrônomos descobrem origem de luz misteriosa

Publicado em 22 setembro 2005

A fonte da misteriosa luz na galáxia de Andrômeda, que vem intrigando cientistas há mais de uma década, foi identificada. De acordo com os astrônomos, a luz vem de um disco de estrelas jovens. A descoberta, possível com o telescópio espacial Hubble, foi anunciada na terça-feira, segundo a Agência Fapesp.
As estrelas jovens movimentam-se em torno de um buraco negro supermassivo no centro da galáxia, de forma semelhante à que os planetas do Sistema Solar movimentam-se em relação ao Sol. Além desta descoberta, os astrônomos puderam se certificar da existência do buraco negro, que os deixou ainda mais intrigados. A dúvida deles agora é como o disco de estrelas pôde se formar tão próximo de um buraco negro gigante.
A força exercida pelo buraco negro deveria destruir a matéria à sua volta, não permitindo, por exemplo, que gás e poeira formassem estrelas. Desde 1998, quando foi visto pela primeira vez, não se sabia o que constituía a gigantesca formação escura no centro da galáxia de Andrômeda. Agora, além da certeza de ser um buraco negro, foi possível calcular a sua massa: 140 milhões de vezes a do Sol.
A misteriosa luz azul de Andrômeda foi observada pela primeira vez em 1995, por astrônomos da Universidade de Washington, também com o uso do Hubble. Na época, achou-se que se tratava da luz emitida por uma estrela. Três anos depois, novas observações indicaram que a luz poderia ser resultado de um aglomerado de estrelas.