Notícia

Prefeitura de São Paulo

Artur Henrique destaca o VAI TEC em primeira reunião do Conselho Municipal de Ciência, Tecnologia & Inovação

Publicado em 08 abril 2014

Por Cristina Braga

O Conselho Municipal de Ciência, Tecnologia & Inovação (CMCT&I), que faz parte da Secretaria Municipal do Desenvolvimento, Trabalho e Empreendedorismo (SDTE), reuniu-se nesta terça-feira, 8, na sede da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP), na Zona Oeste da Capital.

Na primeira reunião de apresentação do Secretário Municipal do Desenvolvimento, Trabalho e Empreendedorismo, Artur Henrique, aos membros do Conselho, o titular da Pasta abordou os objetivos a serem seguidos pelo órgão na sua gestão e as perspectivas do desenvolvimento econômico.

Segundo Artur Henrique, o desenvolvimento sustentável se baseia em quatro pilares: “econômico, social, ambiental e político para a mobilização popular”. O Secretário ressaltou a importância de metas que estão sendo colocadas em prática como a constituição do Polo Tecnológico da Zona Leste e a parceria com o Polo Tecnológico Estadual do Jaguaré; a priorização da ADE SAMPA e o Programa VAI TEC, que apoia atividades inovadoras ligadas à área de tecnologia da informação, além da participação ativa dos Núcleos de Desenvolvimento Locais.

A reunião ainda contou com Carlos Henrique de Brito Cruz, diretor científico da FAPESP, que apresentou a instituição, conhecida por apoiar a pesquisa e financiar a investigação e o intercâmbio. Cruz revelou também alguns dados sobre ciência e tecnologia e reforçou que o Estado de São Paulo tem a maior produção de artigos científicos publicados em revistas internacionais.

O encontro destacou ainda os principais projetos a serem desenvolvidos pelo Conselho como o 2º Seminário São Paulo Cidade da Inovação 2014, a participação durante a 11 ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, a ser realizada entre 13 e 19 de outubro deste ano, e a criação da 1ª Semana Municipal de Ciência e Inovação.

Estiveram também em discussão o andamento do Projeto de Lei 498/2012 (Política Municipal de Inovação e criação do Fundo Municipal de Fomento à Ciência, Pesquisa e Inovação) além da análise ao Projeto de Lei 369/2004 que institui e disciplina o Programa de Cooperação entre o Executivo e órgãos universitários para o desenvolvimento de Atividades de Extensão Universitária, voltadas para a formulação e avaliação de Políticas Públicas.