Notícia

Brasil de Fato PR online

"Arte como Ciência" apresenta debate sobre crianças na cena teatral nesta terça-feira (5)

Publicado em 04 outubro 2021

O projeto "Arte como Ciência" vai realizar a live "Infância e Cena Contemporânea", nesta terça-feira (5), às 14h30. A transmissão acontece pelo canal do Youtube do projeto e integra a programação do Simpósio Internacional Artes da Cena e Infâncias: Crianças como performers. Para tratar do assunto, foi convidada a artista, pesquisadora e professora na área das artes cênicas Melissa Ferreira.

Melissa é autora do livro "Isto não é um ator: O teatro da Socìetas Raffaello Sanzio". Atualmente, desenvolve o projeto de pós-doutorado “Presenças da Infância na Cena Contemporânea” no Instituto de Artes da Unicamp e no Martin E. Segal Theatre Center da City University of New York, com bolsa da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP).

A autora afirma que a prática artística está integrada às suas pesquisas acadêmicas em projetos que promovem parcerias criativas entre crianças e artistas e em performances autobiográficas nas quais apura a própria infância.

Nos seus estudos, ela examina processos criativos, espetáculos teatrais, performances e programas formativos com o objetivo de entender as implicações políticas, estéticas e éticas da participação de crianças em práticas artísticas contemporâneas.

“O reconhecimento de que são produzidos saberes específicos em experiências artísticas com crianças pode revelar caminhos para a consolidação das pesquisas em artes, nas quais os movimentos criativos são parte da análise e para a renovação das concepções de educação e de formação em outras áreas do conhecimento”, afirma.

O Simpósio Internacional ‘Artes da Cena e Infâncias: Crianças como Performers’ acontece de forma online nos dias 5, 7, 13 e 20, 27 de outubro e 4 de novembro de 2021. O evento, coordenado por Melissa, é uma iniciativa do Laboratório de Atuação e Saberes da Prática e do Programa de Pós-graduação em Artes da Cena do Instituto de Artes da Unicamp. Por meio de palestras e encontros com artistas, o Simpósio estimulará reflexões sobre a participação de crianças como performers e colaboradoras na cena teatral contemporânea.

:: Clique aqui para receber notícias do Brasil de Fato RS no seu Whatsapp ::