Notícia

Portal Exame

Apesar de avanços, doenças negligenciadas ainda demandam atenção

Publicado em 11 fevereiro 2019

Por André Julião, da Agência FAPESP
Embora contribuam com 11% da incidência de enfermidades no mundo, as chamadas doenças negligenciadas são alvo de uma pequena fração de medicamentos que são desenvolvidos todos os anos. Entre janeiro de 2012 e setembro de 2018, 256 novos fármacos chegaram ao mercado, mas apenas oito, ou 3,1%, tinham como alvo doenças negligenciadas. A marca atual supera a do período entre 1975 e 1999, quando só 1,1% foi direcionado a elas, mas é menor que a do período de 2000 a 2011 em que 4,3% dos medicamentos novos eram voltados para as [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.