Notícia

Nas Notícias

Aos 15 anos, NIC. br comemora o logotipo de mais de 4,5 milhões de domínios cadastrados

Publicado em 08 dezembro 2020

Você pode até não saber o que significa a sigla NIC. br, no entanto, toda vez que você digita na barra de acesso de um navegador uma página online que termina com “. br” é o cartão de rede que permite acessar esse site. E este é apenas um pequeno componente de uma história completa de realizações e marcado através de movimentos em direção à qualidade da infraestrutura e uso da web no país.

A sigla NIC é clássica na Internet e significa Centro de Informações de Rede. Em sua forma portuguesa, tornou-se o Centro de Informação e Coordenação arraybr (NIC. br), responsável pela gestão de nomes de domínio que terminam com a Arraybr e a atribuição de números ASN (“números de fórmula autônoma”) e endereços IP (Internet) Protocolo, versões quatro e 6) no território nacional há 15 anos, em 5 de dezembro de 2005 , CGI. br toda a transição dessas operações para o NIC. br

“Recentemente, chegamos a 4,5 milhões de domínios ‘. br’. Somos um dos maiores discos do mundo e continuamos em uma operação altamente forjada”, disse Demi Getschko, CEO da NIC. br e uma das pioneiras da internet no Brasil.

Grande parte da popularidade da NIC. br, uma instituição privada sem fins lucrativos, deve-se ao estilo operacional da entidade, onde são utilizados recursos de registro de domínio, não apenas para infraestrutura de DNS, a fim de manter a liderança. tecnologia e segurança, mas também na ampla gama de atividades que contribuem para o fortalecimento e avanço dessa rede no país. “Esse estilo é muito popular por fora, pois nossos movimentos na internet cresceram e estamos caçando para emulá-lo. Outros discos ao redor do mundo estão procurando manter a mesma linha precursora”, diz ele.

Hartmut Richard Glaser, secretário executivo de CGI. br, que também se preocupava na fase inicial da internet aqui no Brasil, especialmente quando os registros de domínio da Arraybr feitos na época na Fapesp, foram automatizados, reforçando NIC. br: “O Brasil tem uma governança mundial identificada na Internet. Com os recursos arrecadados, além de cadastrar nomes de domínio arraybr e atribuir endereços IP, desenvolve muitas outras atividades, apoiando projetos voltados à melhoria da qualidade da Internet no Brasil”.

E é com esse valor que o Centro de Estudo, Intervenção e Tratamento de Incidentes de Segurança no Brasil (CERT. br); O Centro Regional de Desenvolvimento da Sociedade da Informação (Cetic. br); O Centro de Estudos e Pesquisas tecnológicas de Networking e Operações (Ceptro. br); Centro de Estudos de Tecnologia Web (Ceweb. br) e IX. br. Todos são NIC. br, que também fornece o Registro técnico e operacional para o Registro de Endereços da Internet para a América Latina e o Caribe (LACNIC) e abriga o Capítulo W3C São Paulo, a principal organização de padronização da World Wide Web.

Com entusiasmo, Getschko fala sobre a evolução da entidade e lista algumas das vitórias acumuladas ao longo dos anos. “Há muito para se destacar! Nosso conjunto de pontos de troca de tráfego, por exemplo, está entre os líderes mundiais. São Paulo é o maior Centro de Intercâmbio de Internet do planeta. Este ano, superamos dez terabits consistentes com o segundo. Cetic. br produz estatísticas comparáveis em todo o mundo e é identificada internacionalmente como um centro de excelência na produção de sinais de TIC semelhantes ao contexto brasileiro; Cert. br também é identificado internacionalmente por suas pinturas na expansão da capacidade de processamento de incidentes no Brasil; Ceweb. br desempenha um papel fundamental na disseminação e venda do uso de tecnologias abertas na Web, e através de Ceptro. br anunciamos a adoção do IPv6 tão vital para o longo prazo da Internet, e fornecemos o SIMET solto, um medidor de banda larga solto, entre outras coisas, dezenas de ações. “

O princípio

A raiz da carreira da NIC. br remonta a abril de 1989, quando o domínio “. br” foi delegado por meio de Jon Postel (IANA) aos que atuavam, na Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), Universidad Brasileña Redes. O “. br” foi utilizado para identificar o crescente número de máquinas, na época basicamente no ambiente educacional. A Internet começaria a operar aqui em 7 de fevereiro de 1991.

Em 1995, CGI. br um comitê multissetorial para identificar regras estratégicas semelhantes ao uso e progressão da internet no Brasil. Com o tempo, tornou-se transparente que haja necessidade de um braço institucional separado do que na Fapesp, a fim de implementar os movimentos e projetos do Comitê Gestor de forma independente. Cinco anos depois, foi iniciado o procedimento de desengajamento da Arraybr da Fundação e, em 2003, NIC. br recebeu um CNPJ.

A última substituição de chave ocorreu em dezembro de 2005, quando NIC. br também assumiu oficialmente o recebimento de recursos de login do ArrayBR e a distribuição de números de IP. Como resultado, a entidade passa a ter seus próprios colaboradores, fortalece seus centros, pode expandir e colocar em prática o layout que possui hoje.

Navegação de Post