Notícia

Jornal da Cidade (Bauru, SP) online

Andador criado por estudantes de desenho industrial ganha prêmio

Publicado em 01 dezembro 2007

Dois estudantes do curso de desenho industrial da Universidade Estadual Paulista (Unesp), campus de Bauru, foram contemplados com R$ 10 mil por desenvolverem, a partir de projeto de iniciação científica, um andador para idosos, mais prático que os convencionais. Kauré Ferreira Martins e Eduardo de Mattos Egydio, ambos alunos do 4º ano, receberam a premiação na última quarta-feira no 6º Prêmio Alcoa de Inovação em Alumínio

Segundo o professor-assistente doutor Luis Carlos Paschoarelli, do departamento de desenho industrial da Unesp, o projeto nasceu da necessidade de demanda que indica aumento da população idosa no Brasil. "A necessidade de locomoção para o idoso é muito importante para sua integração social", explica.

A pesquisa, que durou dois anos e teve apoio de órgãos como Fapesp e Finep, foi desenvolvida a partir de depoimentos de profissionais das áreas de fisioterapia, geriatria, profissionais de enfermagem e os próprios idosos com o objetivo de definir os requisitos básicos do novo instrumento.

Para Paschoarelli, o diferencial do produto em relação aos comercializados atualmente é a praticidade. "Ele tem um desenho diferencial, é mais leve, pois é feito de alumínio e plástico, mais resistente e possui um assento que serve para que o idoso utilize no momento em que estiver cansado".

A universidade foi contemplada com R$ 5 mil em equipamentos, que serão utilizados no laboratório onde os alunos estão desenvolvendo seus estudos e buscam pedido de patente para comercialização do produto. "Vamos buscar apoio de instituições de fomento para avaliação". De acordo com o professor, a pesquisa pode proporcionar maior chance de sucesso para ambos no mercado de trabalho.

Outros três alunos da Unesp — dois orientandos do professor — chegaram à final do prêmio Tok & Stock, empresa de mobiliário, também na última quarta-feira. Foram 200 inscrições e 47 finalistas.