Notícia

Alpha Autos online

Alpha Notícias: PSA Peugeot Citroën mantém estratégia de pesquisas no país

Publicado em 27 abril 2015

Com o objetivo de manter o contínuo desenvolvimento do Centro de Pesquisa em Engenharia “Professor Urbano Ernesto Stumpf” e de aproximar cada vez mais empresas e instituições com o universo acadêmico de pesquisas, o Grupo PSA Peugeot Citroën e a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) realizaram um encontro de apresentação deste Centro.

O Centro de Pesquisa em Engenharia “Professor Urbano Ernesto Stumpf” foi inaugurado em novembro de 2014 pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) e pela PSA Peugeot Citroën do Brasil. Seus objetivos são principalmente o desenvolvimento de motores de combustão interna adaptados ou criados especificamente para biocombustíveis, além de estudos sobre a sustentabilidade dos biocombustíveis.

Essa iniciativa, que apoia o desenvolvimento de motores movidos a biocombustíveis, já conta com a participação de pesquisadores da Unicamp, USP, ITA e Instituto Mauá de Tecnologia, além de um acompanhamento internacional por um comitê formado por pesquisadores do Institut des Sciences e Technologies (Paris Tech), do Instituto Politécnico de Turim, e das Universidades de Cambridge, no Reino Unido, Técnica de Darmstadt, na Alemanha, e da University College London, também no Reino Unido.

Entre os temas investigados estão as novas configurações de motores a biocombustíveis, a redução de consumo, a emissão de gases e seus impactos, e a viabilidade econômica e ambiental dos biocombustíveis.

O Centro funciona na Faculdade de Engenharia Mecânica da Unicamp, sob a coordenação do pesquisador responsável pelo projeto, Waldyr Gallo, professor-doutor do Departamento de Engenharia Mecânica da UNICAMP, além do executivo Franck Turkovics, Responsável por Inovação de Powertrain do Grupo PSA Peugeot Citroën no Brasil.

“O constante desenvolvimento e aprimoramento de novas tecnologias é fundamental para nós. Nossa engenharia local é tratada como referência mundial dentro do Grupo PSA no tema biocombustíveis e materiais verdes. O trabalho com importantes instituições de ensino enriquece e valoriza ainda mais nosso know-how e nos permite evoluir cada dia mais nesse tema.”, declarou Franck Turkovics.“Esperamos que este encontro, promovido pelo Grupo PSA e pela FAPESP, gere oportunidades adicionais para futuras parcerias e novas pesquisas”, completou.

Uma relação mais próxima com o TECHNO PARK CAMPINAS é um importante direcionamento na estratégia do Centro de Pesquisa “Professor Urbano Ernesto Stumpf”, pois trata-se de um parque tecnológico já consolidado, e que estimula a cultura empreendedora e a inovação,  destacando-se o Cluster de TI e de Biotecnologia nele instalados. Esta aproximação possibilita o desenvolvimento de futuros Projetos de Cooperação Técnica (PCT) entre o dois Centros de Pesquisas.