Notícia

Estadão.com

Alimentos subexplorados na mira dos cientistas

Publicado em 21 outubro 2005

Que tal um licor de amora-preta (Rubusspp.)? Ou ingerir vitamina C, proteínas e lipídios a partir do pólen da taboa (Typha domingensis), planta considerada praga nas lagoas, brejos e banhados do Brasil? Os cientistas estão cada vez mais atentos aos chamados recursos alimentares subexplorados. Além de alimentar muita gente, eles podem ser a saída econômica para várias regiões do mundo, principalmente para os pequenos produtores."Em média, apenas cem espécies vegetais num universo de 17 mil são ingeridas", disse Valdely Kinupp à [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.