Notícia

Agência C&T (MCTI)

Álcool pode mudar comportamento sexual masculino

Publicado em 03 janeiro 2008

O consumo diário de álcool pode provocar alterações no comportamento sexual masculino. Segundo uma pesquisa publicada na revista científica PloS One, os machos de mosca-da-fruta submetidos a doses diárias de etanol, que tipicamente cortejam fêmeas, passaram também a cortejar outros machos, informou a Agência Fapesp nesta quinta-feira.

"Se um comportamento como o consumo de álcool se torna mais prazeroso à medida que ele se torna mais freqüente, há maiores chances de que os indivíduos continuem a repeti-lo", explicou Kyung-An Han, líder do grupo que conduz a pesquisa na Universidade Penn State, nos Estados Unidos. Ele diz que o trabalho é levou a descobertas de grande importância para estudos sobre alcoolismo.

"Evidências fisiológicas que apóiem teorias a respeito do efeito de bebidas alcoólicas são escassas. Por conta disso, poder contar com um modelo animal adequado possibilitou a condução de uma pesquisa laboratorial muito necessária nesse assunto", disse. Os pesquisadores suspeitam que o consumo crônico do álcool resulte em mudanças adaptativas nas células cerebrais, o que foi denominado de "sensibilização comportamental".

A pesquisa mostrou também que, sob efeito do álcool, machos de meia-idade e idosos (moscas de duas a quatro semanas) tiveram propensão maior para o contato desinibido com outros machos quando comparados com indivíduos mais jovens. "À medida que as moscas ficam mais velhas, suas capacidades cognitivas declinam, tornando-as mais suscetíveis aos efeitos negativos do etanol", disse Han.

Terra