Notícia

Todo Dia (Americana, SP) online

Alckmin anuncia Jurandir, Afif e Saulo para o governo

Publicado em 03 dezembro 2010


O ex-secretário de Transportes de Campinas, na gestão do ex-prefeito Magalhães Teixeira, Jurandir Fernandes, vai chefiar a Secretaria de Transportes Metropolitanos no governo de Geraldo Alckmin (PSDB). O anúncio foi feito ontem pelo próprio governador eleito, que também confirmou os nomes de Saulo de Castro Abreu, para a pasta de Transportes, e do vice-governador eleito, Guilherme Afif Domingos (DEM), para a Secretaria de Desenvolvimento. Em novembro, Alckmin anunciou outros quatro secretários (Casa Civil, Casa Militar, Direitos da Pessoa com Deficiência e Saúde)

Fernandes vai ocupar o cargo pela segunda vez. A primeira foi durante a primeira administração de Alckmin (2001-2006). Sob a sua responsabilidade ficarão a CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) e a EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos), além do Metrô.

Alckmin informou que a Secretaria de Ensino Superior será extinta em seu novo governo. As atribuições da pasta serão transferidas, a partir de 1º de janeiro, para o Desenvolvimento, que ficará responsável pela gestão da Fapesp e das três universidades públicas do Estado de São Paulo (USP, Unicamp e Unesp).

MUDANÇAS

Ainda na esfera da secretaria, Alckmin anunciou a criação da Univesp (Universidade Virtual do Estado de São Paulo) - a primeira instituição de ensino superior à distância em São Paulo - e ressaltou que aumentará o número de vagas de ensino superior e cursos profissionalizantes e de formação de professores.

O tucano reafirmou que criará a Secretaria de Gestão e Desenvolvimento Metropolitano para planejar iniciativas para as principais regiões metropolitanas do Estado. Ele destacou que a nova pasta não esbarrará na atuação de outras pastas.

Alckmin surpreendeu ao escalar Saulo de Castro para a Secretaria dos Transportes. O indicado é procurador de Justiça desde 1987 e foi o titular da Secretaria da Segurança Pública na primeira gestão de Alckmin, quando ocorreu o ataque de uma facção criminosa na região metropolitana de São Paulo.