Notícia

ABM Brasil - Associação Brasileira de Metalurgia, Materiais e Mineração

Aceleradora canadense seleciona startups para programa de internacionalização

Publicado em 02 fevereiro 2021

Estão abertas as inscrições para o Dream2B Global Acceleration Program – programa de aceleração e internacionalização para startups brasileiras no Canadá. Em sua 5ª edição, o programa irá selecionar 15 startups de todo o país das áreas de inteligência artificial, cidades inteligentes e veículos autônomos. As interessadas em participar têm até o dia 14 de fevereiro para se inscreverem gratuitamente pelo site https://www.dream2b.com.br/.

Além de mentoria com profissionais de alto nível do mercado global, o programa de aceleração permite às startups selecionadas fazer a validação do modelo de negócios e receber ajuda em todas as etapas de internacionalização.

O programa já apoiou 40 startups brasileiras, sendo que algumas iniciaram operações globais a partir do Canadá. Uma das mais recentes foi a Safetest, que criou um teste rápido de COVID-19, aprovado pela agência regulatória de alimentos e fármacos dos Estados Unidos, a FDA, para a comercialização e distribuição naquele país, assim como na União Europeia, antes mesmo de obter autorização no Brasil.

As 15 startups selecionadas para esta edição, a primeira a ser realizada virtualmente, participarão do programa que será realizado de 12 de abril a 7 de maio, incluindo desde mentoria com especialistas e empreendedores canadenses e brasileiros, a workshops com profissionais para validação do modelo de negócios; reuniões com potenciais parceiros e clientes, além de pitches para investidores. As startups selecionadas também terão acesso a uma sessão de mentoria de pré-internacionalização oferecida pela Softex.

Além da oportunidade de participar do projeto de aceleração, as startups que tiverem seu modelo de negócios validado pelo programa e uma ótima adequação com o mercado poderão aplicar para o Startup Visa por meio do parceiro do Dream2B, que é uma das instituições designadas pelo governo federal canadense. O Startup Visa é um dos vistos mais cobiçados hoje por empreendedores do mundo todo, pois permite a imigração de até cinco sócios com suas respectivas famílias para o Canadá. O visto concede a residência permanente e as startups que forem aprovadas e passarem pelo programa poderão utilizar ainda toda a estrutura do Spark Center para conduzir seus negócios no Canadá por até um ano.

A novidade desta edição é que as startups que mais se destacarem terão ainda a chance de receber investimento de até 500 mil dólares canadenses após o programa.

Fonte: Boletim Fapesp Pesquisa para Inovação ( https://pesquisaparainovacao.fapesp.br/)