Notícia

Portal Exame

Acelerador de partículas brasileiro começa a funcionar em Campinas

Publicado em 18 março 2019

Por Agencia FAPESP
Um primeiro feixe de elétrons circulou no acelerador de partículas Sirius no dia 8 de março. O feito é considerado um marco para a implantação da nova fonte de luz síncrotron brasileira, situada no Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM), em Campinas. Segundo informou a assessoria de comunicação do CNPEM, as partículas circularam pela primeira vez no booster, o segundo dos três aceleradores de elétrons que compõem o Sirius. Após a produção e aceleração inicial dos elétrons no acelerador linear (Linac), [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.