Notícia

MidiaFlex

A.C.Camargo, Einstein e Hospital de Câncer de Barretos são nomeados pelo MD Anderson para sediar o Global Academic Programs 2016

Publicado em 16 abril 2014

A maior rede global de centros de câncer vai se reunir em 2016 no A.C.Camargo Cancer Center, Hospital Israelita Albert Einstein e Hospital de Câncer de Barretos, as três ´Sister Intitutions´ brasileiras do MD Anderson Cancer Center, do Texas

As cidades de São Paulo e Barretos serão as sedes do Congresso anual do Global Academic Programs 2016 (GAP), programa criado pelo MD Anderson Cancer Center, da Universidade do Texas. O GAP é a maior rede global de Cancer Centers, trabalhando colaborativamente em pesquisa e educação com o objetivo de reduzir o impacto do câncer em todo o mundo. A edição brasileira será encabeçada pelo A.C.Camargo Cancer Center, Hospital Israelita Albert Einstein e Hospital de Câncer de Barretos, que são os três centros brasileiros com o título de Sister Institutions do MD Anderson.

O anúncio oficial do Brasil como a primeira sede da América Latina do Congresso anual do GAP foi feito pelo cientista e vice-presidente do GAP-MD Anderson, Oliver Bogler, durante visita ao país. “A ciência brasileira está crescendo exponencialmente, tanto na Oncologia quanto em outras áreas do conhecimento e a nossa escolha levou em conta o fato destas três instituições-irmãs estarem com olhares voltados para a prevenção, assistência, ensino e pesquisa do câncer”, destacou Bogler.

De acordo com a bioquímica e diretora do Centro Internacional de Pesquisa do A.C.Camargo, Vilma Regina Martins, o anúncio do Brasil como país-sede do GAP 2016 é um reconhecimento do atual cenário da produção científica do país. “O mérito está em reunir, principalmente no Estado de São Paulo, renomadas instituições voltadas para a oncologia, com nível de Excelência. No âmbito da pesquisa, temos projetos de alta relevância que são patrocinados por estas Instituições e com importante suporte de agências de fomento estaduais como a FAPESP e Federais como o CNPq, CAPES e FINEP, o que nos faz avançar em ciência translacional, diminuindo o abismo entre a ciência básica e ciência aplicada”, destaca Vilma Martins.

“As três instituições que são parceiras do MD Anderson na luta contra o câncer são responsáveis por grande parte do atendimento oncológico e hematológico no Brasil, constituindo centros de referência nestas áreas específicas. Várias contribuições científicas conjuntas serão possíveis através desta aliança. O evento a ser realizado em 2016, permitirá a educação continuada de centenas de profissionais brasileiros que atuam na área de câncer. A responsabilidade pela organização é muito grande, mas certamente marcaremos uma época com este evento. O MD Anderson Cancer Center é considerado o maior e melhor hospital do mundo nesta área”, comenta Dr. Nelson Hamerschlak, coordenador do Centro de Oncologia e Hematologia do Hospital Israelita Albert Einstein.

“Além de compartilhar informações e fortalecer a integração de projetos científicos com as instituições irmãs, o evento trará a oportunidade de apresentar e divulgar internacionalmente as três Instituições brasileiras reconhecidas pelo atendimento com qualidade, humanização, ensino, pesquisa e inovação tecnológica na área de oncologia”, ressalta Dr Edmundo Carvalho Mauad, diretor do Hospital de Câncer de Barretos.

Os congressos anuais do Global Academic Programs são realizados no MD Anderson Cancer Center em anos ímpares. Em 2012, primeira edição internacional, a sede foi a Noruega. Este ano, é a vez de Seul, na Coréia do Sul, onde acontecerá de 1 a 3 de maio. O evento é voltado a pesquisadores, oncologistas e demais profissionais envolvidos no suporte interdisciplinar ao paciente oncológico das 29 Sister Institutions espalhadas por 22 países: Austrália, Brasil, Chile, China, Colômbia, Dinamarca, França, Alemanha, Índia, Israel, Japão, Coréia do Sul, Jordânia, Líbano, México, Noruega, Peru, Polônia, Suécia, Taiwan, Turquia e Reino Unido, além de outras 36 instituições de 20 países, que têm o título de Afiliadas do MD Anderson. A programação do GAP 2014 está disponível em http://www.gap2014.org/.