Notícia

Portal Fator Brasil

A.C.Camargo é o primeiro Hospital oncológico do país certificado pela Acreditação Canadense

Publicado em 01 fevereiro 2012

Anúncio de Certificação Internacional pelo Canadian Council for Health Services Accreditation (CCHSA) ocorreu na última semana, fortalecendo a posição do A.C.Camargo como centro de referência em qualidade da assistência e segurança ao paciente oncológico. A metodologia de avaliação adotada observa controle de medicamentos (quimioterápicos, opióides e antibióticos), organização no processo de transferência do paciente de um setor para outro, práticas de segurança nos procedimentos cirúrgicos, higiene das mãos em todos os setores, dentre outros.

Tão importante quanto atender um grande número de pacientes e cuidadores é a qualidade da assistência a eles oferecida. Focado em sempre oferecer suporte de alto nível a todos os pacientes em ambientes ambulatoriais, cirúrgicos e de internação, o Hospital A.C.Camargo recebeu na última semana a certificação da Acreditação Canadense pelo Canadian Council for Health Services Accreditation (CCHSA), sendo o primeiro Hospital exclusivamente voltado ao tratamento de câncer a receber esse título.

O anúncio foi feito pelo Instituto Qualisa de Gestão - IQG, organismo certificado no Brasil pelo Canadian Council - que acompanhou e orientou todo o processo de certificação do A.C.Camargo durante os últimos 18 meses. Nesse período, foram avaliados processos voltados à segurança do paciente que cumprem critérios metodológicos previamente estabelecidos, os chamados ROPs (Required Organizational Pratices ou Práticas Organizacionais Exigidas), dentre eles: .Identificação do paciente - Implantação de Sistema eficaz de identificação dos pacientes em toda a instituição.

Práticas de Segurança na Utilização de Medicamentos - Reduzir o risco de infecções relacionadas ao uso de medicações e promover práticas seguras para administração dos medicamentos.

Controle no uso de narcóticos - Limitar a disponibilidade de narcóticos (opióides) e remover fórmulas farmacêuticas de alta dose ou potência das áreas de assistência ao paciente.

Transferências internas e transferência de informação - Implantação de protocolo de identificação e informações do paciente, com comunicação efetiva entre os interessados nos pontos de transição em todo o fluxo assistencial.

Reconciliação medicamentosa - Reconciliar a medicação dos pacientes na admissão e por toda a organização com o envolvimento do paciente e familiar.

Práticas de Segurança no Procedimento Cirúrgico - Prevenção de erros no procedimento cirúrgico. Ações efetivas que garantam paciente, local e cirurgia correta.

Administração oportuna de Antibióticos Profiláticos - Garantir o uso de antibióticos profiláticos para prevenir infecções cirúrgicas.

Higiene das Mãos - Fornecer fácil acesso e recursos para colaboradores cumprirem as recomendações de higiene preconizadas.

Controle de Eletrólitos Concentrados - Remover medicamentos de alto risco das áreas de serviço ao paciente.

Capacitação em Segurança do Paciente - Manter um ambiente de trabalho que apóie as boas práticas assistenciais, capacitando colaboradores, prestadores de serviço e voluntários.

Papéis e Responsabilidades para a Segurança do Paciente - Criar um ambiente de trabalho e ambiente físico que apoie uma entrega de cuidados/serviços segura.

Análise Prospectiva Relacionada à Segurança do Paciente - Criar uma cultura de segurança dentro da instituição, realizar e manter uma análise prospectiva relacionada à segurança do paciente a cada ano e implementar melhorias adequadas.

Segundo o CEO Irlau Machado Filho, a conquista da Acreditação Canadense reforça a conduta do A.C.Camargo na adoção das melhores práticas da medicina mundial com foco na segurança do paciente. "Com isso, garantimos um tratamento altamente qualificado, onde todos os processos são controlados e seguros".

Seguindo o mesmo raciocínio, o Superintendente de Recursos Humanos e Qualidade do Hospital A.C.Camargo, Maurício Alves da Silva, destaca que a certificação internacional é mais um exemplo do quanto a instituição é cumpridora de seu papel perante a sociedade. "É a nossa prestação de contas para a comunidade, governos, agências de fomento, parceiros comerciais, todos que confiam em nosso trabalho como centro de ensino, pesquisa e tratamento de câncer", disse.

As certificações internacionais concedidas pelo IQG-CCHSA (Canadá) e Joint Commission International (Estados Unidos) são os níveis máximos de Acreditação concedidas aos Hospitais, clínicas e demais unidades de saúde das Américas, ambos com similaridade em importância e metodologia.

Antes de participar do processo de avaliação para a Acreditação Canadense um requisito exigido é possuir uma certificação nacional. Em 2009, o A.C.Camargo recebeu da Organização Nacional de Acreditação (ONA) a certificação máxima, nível 3 e a partir disso foi convidado pelo IQG a ser membro integrante para participar do processo de certificação internacional. A Acreditação é válida por três anos e nesse período os avaliadores fazem visitas anuais.

Perfil do Hospital A.C.Camargo - Instituição filantrópica criada em 1953 por Antônio e Carmen Prudente, o Hospital A.C.Camargo é um dos maiores centros de tratamento oncológico da América Latina. De forma integrada e multidisciplinar, atua na prevenção, diagnóstico e tratamento ambulatorial e cirúrgico dos mais de 800 tipos de câncer identificados pela Medicina, divididos em mais de 40 especialidades. A cada ano identifica e trata 14 mil novos casos da doença, com pacientes de diversas partes do país e exterior, totalizando mais de 950 mil atendimentos (consultas, exames laboratoriais e por imagem, internações, cirurgias, quimioterapia e radioterapia, entre outros). Seu corpo clínico é composto por uma equipe fechada de 403 médicos especialistas, a maior parte com mestrado e doutorado. A dedicação e interação destes profissionais em atividades interdisciplinares resulta em um tratamento com melhores índices de sucesso, só comparáveis aos observados nos maiores centros oncológicos do mundo.

Na área de ensino, o A.C.Camargo criou a 1ª Residência em Oncologia do país, em 1953, tendo formado em 2010 o seu milésimo residente. É também responsável pela formação de um em cada três oncologistas em atividade no Brasil. Sua pós-graduação, criada em 1997, é a única em um hospital privado reconhecida pelo Ministério da Educação e foi avaliada com nota máxima durante toda essa década pela CAPES, tornando-se assim, entre escolas públicas e privadas, a melhor do país em Oncologia e uma das duas melhores em Medicina. Tem a maior produção científica da área, com mais de mil trabalhos publicados na última década nas principais revistas internacionais de alto impacto. Centralizou em 2000 o Genoma do Câncer no Brasil, financiado pela FAPESP e Instituto Ludwig.

Em 2011, o Hospital foi eleito pela terceira vez uma das melhores empresas para Você trabalhar do Guia Você S/A Exame. Em 2009, o Hospital foi apontado pela edição 500 Melhores Empresas da revista Istoé Dinheiro como uma das melhores em Saúde pelo terceiro ano consecutivo e pela segunda vez consecutiva entre as dez melhores empresas de serviços médicos do Brasil na Gestão de Pessoas, de acordo com o anuário Valor Carreira. [www.accamargo.org.br ].