Notícia

Agência Gestão CT&I

Aberta vaga para pesquisa sobre uso do gás natural em células a combustível

Publicado em 20 junho 2017

O Research Centre for Gas Innovation (RCGI) dispõe de uma vaga para pós-doutorado com bolsa da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp). O selecionado participará do projeto de pesquisa “Desenvolvimento de Células a Combustível para Operação a Gás Natural”, que pretende abordar questões críticas para alguns dos principais desafios científicos e tecnológicos para o avanço da utilização do gás natural em células a combustível. As candidaturas serão recebidas até 30 de junho.

O projeto tem foco em duas tecnologias: células a combustível de membrana trocadora de prótons (PEMFC) e células a combustível de óxido sólido (SOFC). Neste cenário, o projeto visa ao estudo de: 1) anodos mais eficientes para a eletro-oxidação do metano e/ou mais tolerantes a misturas H2/CO de combustível; 2) membranas para PEMFC de alta temperatura de operação; e 3) materiais de anodo e camadas catalíticas resistentes a depósitos de carbono para a utilização direta do gás natural em SOFCs.

O pós-doutorando participará na pesquisa de células a combustível de óxido sólido de metano direto. Será escolhido o candidato com experiência laboratorial na preparação, processamento e caracterização de materiais cerâmicos para células a combustível. Ter especialização na fabricação de células individuais e na caracterização eletroquímica é essencial.

As instituições buscam um profissional com experiência em diferentes técnicas, como serigrafia, difração de raios X, microscopia eletrônica e espectroscopia de impedância. As atividades anteriores com ambas as técnicas avançadas de deposição, tais como deposição por laser pulsado e análise de gás (catálise) no teste SOFC, são altamente desejáveis.

A vaga está aberta a brasileiros e estrangeiros. Os selecionados receberão Bolsa de Pós-Doutorado da Fapesp, no valor de R$ 6.819,30 mensais, e Reserva Técnica de Bolsa de PD, equivalente a 15% do valor anual da bolsa e com o objetivo de atender a despesas imprevistas e diretamente relacionadas à atividade de pesquisa. Caso o bolsista de PD resida em domicílio diferente e precise se mudar para a cidade onde se localiza a instituição-sede da pesquisa, poderá ter direito a um Auxílio-Instalação.

Mais informações sobre a Bolsa de Pós-Doutorado da Fapesp estão disponíveis aqui. Outras vagas de bolsas, em diversas áreas do conhecimento, estão no link Fapesp-Oportunidades. Mais informações sobre a posição e acesso à inscrição no site do RCG.

(Agência ABIPTI, com informações da Fapesp)