Notícia

Planeta Universitário

A Modernidade e suas Ambivalências – Lançamento da Cátedra Olavo Setubal de Arte, Cultura e Ciência

Publicado em 16 maio 2016

O cientista político, filósofo e diplomata Sergio Paulo Rouanet, membro da Academia Brasileira de Letras, faz a conferência inaugural da Cátedra Olavo Setubal de Arte, Cultura e Ciência, da qual é o primeiro titular. Rouanet tratará da influência da modernidade nas esferas econômica, política e cultural à luz das ideias do sociólogo Max Weber, do filósofo Jürgen Habermas e do sociólogo Manuel Castells.

A exposição com o tema “A Modernidade e suas Ambivalências” será no dia 17 de maio, às 9h30, na Sala da Congregação da Faculdade de Medicina da USP, na Av. Dr. Arnaldo, 455, 3º andar, São Paulo. Iniciativa do IEA em parceria com o Itaú Cultural, a cátedra é a primeira a ser criada na USP para discutir questões do universo das artes e da gestão cultural, além de temas científicos e sociais.

Os debatedores deste encontro serão o jurista Celso Lafer, ex-ministro das Relações Exteriores e ex-presidente da FAPESP; o filósofo Renato Janine Ribeiro, ex-ministro da Educação e coordenador do Grupo de Pesquisa O Futuro nos Interpela do IEA; e a socióloga Barbara Freitag, professora emérita da Universidade de Brasília. A abertura do seminário terá a presença do reitor da USP, Marco Antônio Zago, do diretor do IEA, Paulo Saldiva, e do diretor do Instituto Itaú Cultural, Eduardo Saron.

O evento é público, gratuito e requer inscrição prévia. Para acompanhar ao vivo pela internet (www.iea.usp.br/aovivo) não é necessário se inscrever).

Mais informações: www.iea.usp.br/noticias/inauguracao-catedra-olavo-setubal e (11) 3091-1678. 

Agência FAPESP