Notícia

SINEPE/PR - Sindicato das Escolas Particulares do Paraná

A comunicação entre professores e alunos no ensino básico

Publicado em 28 maio 2021

Como escolas de ensino fundamental e médio estão lidando com os meios de comunicação e as formas contemporâneas de organizar, produzir e distribuir conhecimento e informação, a exemplo das redes sociais?

Essa pergunta norteia o relatório “Inter-relações: Comunicação e educação no contexto do ensino básico”, recém-lançado pelo grupo de pesquisa Mediações Educomunicativas (Mecom) da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP). “A maioria dos professores e alunos ouvidos reconhece que os meios de comunicação são fundamentais para os processos de ensino e aprendizagem, mas faltam políticas públicas voltadas para essa área em nossas escolas”, diz Adilson Citelli, coordenador do projeto.

A pesquisa, que teve apoio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), ouviu 509 professores e 3.708 estudantes, sobretudo da rede pública de ensino. Dentre os alunos, 57% deles eram do ensino fundamental, 40% do médio e 3% da Educação de Jovens e Adultos (EJA).

Em relação aos docentes, 47% deles têm entre 20 e 40 anos de idade. Entretanto, “o fato de haver um grande contingente de professores habitando universo tecnológico próximo ao dos alunos não significa que estejam ocorrendo ajustes capazes de provocar mudanças significativas nas relações de ensino e aprendizagem”, assinala o relatório – segundo reportagem de Ana Paula Orlandi, originalmente publicada na Revista Pesquisa Fapesp.

 

Essa notícia também repercutiu nos veículos:
Desafios da Educação